Páginas

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Eu me lembro de ontem e só a saudade ressurge,
hoje não teve telefonema,
porque hoje é só silêncio e respiração aqui em casa.
Você não apareceu e
não fizemos mesa para o jantar,
Porque hoje é só ausência,
Ontem só saudade.
Te espero amanhã.


Celso Andrade

Um comentário:

DeiSiá, disse...

ah dia de plantar,
há de colher
e (in)felizmente há o dia tão somente esperar

e nesse meio tempo tantas e tantas coisas acontecem...