Páginas

quarta-feira, 11 de novembro de 2009


Sou a parte de mim mesmo que vive e sonha,
que me completa mesmo estando vazio de sentimentos,
e apavora-me quando não tenho respostas a paixões,
nem camufla-me as dores em certos momentos.
Pois estou certo que a parte de mim, que apavora-me
por vezes deixando-me desesperado,
também sonha com um sossego, porque toda alma
sonha com um corpo sossegado.

Celso Andrade.

Um comentário:

Robson Rogers disse...

Toda alma sonha com um corpo sossegado, ou todo corpo sonha com uma alma sossegada?
E se um ou outro (ou ambos) sonham, o que fazem para construir esse sossego? Sossego do além?
Acho que não...