Páginas

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

É incrivelmente limitado o sossego a calmaria sentimental, se todos fossem felizes poetas não venderiam seus livros, e numa forma de não errar ao adentrar no "outro", faz-se cobaia dos sentimentos.


(Celso Andrade)

2 comentários:

Sil.. disse...

Eu acho que sempre fui uma cobaia!

Beijoooooooooooo queridão!!

Priscila Rôde disse...

Faço das palavras da Sil, minhas...

Um beijo, Celso.