Páginas

quarta-feira, 30 de junho de 2010


Pensei ter a maior sorte do mundo, só em olhar pra teus lábios, pensei ter beijado todas as bocas do mundo. Você era só um brinquedo no qual me deixei levar. E eu? Pensei ter agora a minha chance de estar feliz amor, mais o que você fez? O que você carrega no peito?


(Celso Andrade)

4 comentários:

Eurico disse...

Um grande abraço e grato pela visita. E salve a Bahia!

Jenifer disse...

nem sei o que carrego. só resta em mim uma carga de cansaço, que acabou virando hábito. rs.


vixe, também estou mal =|
garganta, e tantas outras coisas...

ando finalizando umas provas. umas finais rsrs.
e tu?
mande-me notícias.


o telefone daqui está com problemas na bateria. quando estou no bem bom do papo, ele desliga ¬¬'

no mais vou seguindo.
tem uns filmes aqui que acho que vai gostar, depois te passo os nomes :)

ando com saudades.
pensei que podíamos fazer algo neste fim de semana. sei lá, ver o mar, o sol, compartilhar esse silêncio, a companhia, a saudade... ou algo assim.

mais com esse tempo nublado, me desanimei.
quem sabe se abrir um sol?


um beijo, dois beijos, três beijos.

melhoras para nós =)

Priscila Rôde disse...

Talvez você nunca saiba,
exatamente.

Daaý Brunett´S disse...

eu sinceramente não sei, hehehehe!
Lindo seu blog, amei1
seguindo aqui
beeijO